Primeira etapa do leilão nos EUA alcança US$ 2,4 bilhões

A primeira etapa do leilão de licenças para a faixa de 700 MHz promovido pela agência reguladora dos Estados Unidos, a FCC (Federal Communications Commission), totalizou US$ 2,4 bilhões até o fechamento das propostas nesta quinta-feira, 24. Ao menos metade desse valor, em torno de US$ 1,04 bilhão, representa o lance de um único participante em busca de uma licença nacional para a faixa de 22 MHz. As propostas para a segunda rede nacional de 10 MHz chegaram a US$ 472 milhões.
Na segunda etapa, a FCC vai partir dos preços mínimos entre US$ 1,2 bilhão e US$ 532 milhões para as duas licenças nacionais, conhecidas como bloco C e bloco D respectivamente. Antes de cada etapa a agência divulga os lances mínimos. A maior atenção está com o bloco C que será fatiado em 12 licenças e será disputado pela Google. A empresa reservou US$ 4,6 bilhões para disputar a faixa.
Ao todo foram aprovadas 214 empresas participantes do leilão, incluindo grandes operadoras como a AT&T e Verizon Wireless e novos players como a Google. Também disputam licenças a Alltel que pertence ao fundo Goldman Sachs, a Cox Communications, EchoStar, que opera TV por satélite, e um fundo de investimentos liderado por Paul Allen, co-fundador da Microsoft.

Notícias relacionadas
O leilão não tem data para terminar. O último, realizado em 2006, teve mais de 100 etapas e levou em torno de um mês. A FCC avalia que as vendas devem atingir US$ 10 bilhões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.