Ericsson financia compra de operadora russa em US$ 1 bilhão

Nos últimos anos, os fabricantes ocidentais de redes móveis reduziram de maneira significativa a venda financiada de equipamentos, em razão de dificuldades financeiras. Nesse período, fabricantes chineses como Huawei e ZTE ganharam força, com vendas apoiadas por bancos da China. Semana passada, contudo, a Ericsson deu uma demonstração de que está de volta nesse jogo de contratos financiados com a divulgação de um contrato de pouco mais de US$ 1 bilhão para a operadora russa MTS. Trata-se de uma venda de equipamentos de rede móvel financiado com apoio da Agência Sueca de Exportação de Crédito. O financiamento foi dividido em duas partes: a primeira, no valor de US$ 429 milhões, com vencimento em junho de 2019, e a segunda, no valor de US$ 646 milhões, com vencimento em setembro de 2020. O dinheiro será usado pela MTS na compra de equipamentos da Ericsson no triênio 2009-2011. As informações são do site Rethink Wireless (www.rethink-wireless.com).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.