Juiz remarca assembleia de credores para dia 10 de novembro

Em novo despacho, o juiz Fernando Viana, da 7a Vara Empresarial do Rio de Janeiro, adiou par o dia 10 de novembro a realização da Assembleia Geral de Credores da Oi, que na última sexta já havia sido adiada para o dia 6. A mudança se deve a um pedido do Administrador Judicial por conta dos prazos de publicação e convocação da AGC. A data da segunda convocação, caso não haja quorum, será dia 27 de novembro. O adiamento é benéfico para o governo, pois acaba dando mais quatro dias de prazo para que seja negociada e publicada uma Medida Provisória para o refinanciamento das dívidas da operadora. Com o feriado do dia 2 de novembro, os prazos estavam apertados.

A AGC estava prevista inicialmente para acontecer no dia 9 de outubro. No final de setembro, a Oi solicitou adiamento para esta segunda-feira, 23. Contudo, na última semana, foi necessário um novo adiamento. Com a decisão do TJ-RJ agora, já é a terceira vez em que a assembleia é remarcada. O evento terá logística complexa porque deverá mover uma grande quantidade de credores, e por isso acontecerá no RioCentro, no Rio de Janeiro.

O adiamento acontece no mesmo dia em que a Anatel reprovou a celebração do segundo Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) da Oi, no valor de R$ 4,8 bilhões. A companhia contava com o mecanismo em sua mais recente versão do plano de recuperação judicial. Sem o TAC, a empresa deverá precisar de uma injeção de dinheiro novo além das previsões iniciais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.