PL quer que Anatel publique ranking de qualidade mensal das operadoras

Senador Telmário Mota (Pros-RR). Foto: Pedro França/Agência Senado

A Anatel poderá ser obrigada a publicar todo mês os indicadores de qualidade das empresas que prestam serviços de telecomunicações. Essa é a determinação de um projeto que pode ser votado pela Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor (CTFC), em reunião marcada para a próxima terça-feira, 27, às 10h30.

Pelo projeto (PLS 159/2016), de iniciativa do senador Telmário Mota (Pros-RR), a agência terá de fazer a publicação mensal de indicadores de qualidade e de reclamações dos serviços de interesse coletivo, que deverão ser divulgados, inclusive pela Internet, no máximo de 30 dias após o período de aferição. O autor argumenta que uma forma eficiente de estimular a melhoria da qualidade no setor de serviços de telecomunicações – que tem sido campeão de reclamações nos órgãos de defesa do consumidor – é divulgar, de forma ampla, índices que permitam aos usuários a comparação objetiva entre as diferentes prestadoras que atuam no segmento.

Desse modo, acrescenta Telmário, seria estimulada a adoção de medidas efetivas de incremento na qualidade do atendimento, tendo em vista que as empresas com melhores indicadores tenderão a receber um número maior de novos clientes. Ele lembra ainda que a Anatel divulga em seu site o chamado Índice de Desempenho no Atendimento (IDA), mas afirma que a agência não tem mantido esses indicadores atualizados.

O relator, senador Jorge Kajuru (Patriota-GO), é favorável à matéria. Na visão do relator, a proposição "se mostra adequada e contribui para o aperfeiçoamento das normas de proteção do consumidor dos serviços de telecomunicações". Se aprovado na CTFC, o projeto seguirá para a análise da Comissão de Ciência e Tecnologia (CCT).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.