Oi devolverá recursos após homologação parcial de aumento de capital

Em fato relevante enviado à Comissão de Valores Mobiliários na noite desta segunda-feira, 23, a Oi comunicou ao mercado e a acionistas que, em razão da homologação parcial do aumento de capital na última sexta-feira, 20, devolverá recursos. A companhia deverá devolver na próxima quarta-feira, 25, valores integralizados para os subscritores que condicionaram sua participação no aumento de capital à subscrição da quantidade máxima de ações na capitalização, sem juros ou atualização monetária, por meio dos agentes de custódia. A empresa não informou quanto será devolvido.

O aumento de capital homologado na sexta-feira prevê a emissão de 1,514 milhão de novas ações ordinárias, ao preço de R$ 7 por ação, totalizando R$ 10,6 bilhões, além de 116,5 mil bônus de subscrição, que serão entregues aos acionistas que exerceram seu direito de preferência e não condicionaram sua decisão e bondholders que capitalizaram seus respectivos créditos. Já a partir desta segunda-feira, as novas ações e bônus passaram a ser negociados no B3. Com o aumento aprovado, o capital social da Oi passa a ser de R$ 32,038 bilhões, divididos em 2,340 bilhões de ações, sendo 2,182 bilhões de ações ordinárias e 157,727 milhões de preferenciais, todas nominativas e sem valor nominal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.