Publicidade
Início Teletime Motorola fornece sistema de vídeo para a PM de São Paulo

Motorola fornece sistema de vídeo para a PM de São Paulo

A Polícia Militar de São Paulo inaugurou nesta quarta-feira, 23, as operações do sistema de videomonitoramento da capital, com funcionamento de 100 câmeras – 75 delas em operação e as demais ativadas até o final do mês. O sistema que integra câmeras de vídeo e equipamentos para coleta de informações sem fio Canopy, foram fornecidos pela Motorola em um contrato de R$ 6,09 milhões.
As câmeras foram instaladas no centro da cidade, próximas a estádios de futebol, centros de eventos e em bairros da periferia, além de áreas de interesse de segurança pública com maiores ocorrências policiais. Os testes com o sistema começaram em fevereiro, com o monitoramento do Carnaval no sambódramo de São Paulo, explica o vice-presidente da Motorola para a área de governo e empresas, Eduardo Stéfano.
As imagens das câmeras de vídeo que oferecem zoom de alta definição (36 vezes), possibilitam, por exemplo, registrar a placa de um carro. Os dados são capturados pelos equipamentos Canopy por radiofreqüência na faixa não licenciada de 5,8 GHz e vão para o Centro de Operações da Polícia Militar, no centro da Capital. As informações são tratadas por softwares desenvolvidos pela própria polícia, integrando-se, por exemplo, ao banco de dados de veículos furtados. Trabalham no sistema de monitoramento no Centro de Operações da Policia Militar (COPOM/SP) 73 policiais, diariamente, durante 24 horas, em turno de revezamento. Viaturas designadas para o setor de patrulhamento atendem às ocorrências originadas do sistema.

Notícias relacionadas
No segundo semestre deste ano a polícia vai licitar mais 100 câmeras para expansão do sistema ao custo estimado de R$ 5 milhões.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile