LTE pode chegar a 27,7 milhões de acessos na América Latina em 2017

O número de acessos LTE na América Latina pode chegar a 27,7 milhões em 2017, segundo análise da Frost & Sullivan divulgada nesta quinta-feira, 23. A consultoria afirma que, considerando o total de 40 mil linhas em 2012, o crescimento médio anual nesse intervalo de cinco anos seria de 269,9%, impulsionado pela grande adoção em países que já lançaram comercialmente o 4G, como o Brasil. A expectativa é de que 20 operadoras na região implementem a tecnologia nos próximos dois anos, mas o serviço ainda contaria com cobertura limitada, baixa disponibilidade de dispositivos e preços altos de terminais. A Frost avalia que, se os preços dos planos forem os mesmos do 3G (como afirma que tem sido na América Latina), o serviço 4G poderia "ameaçar as conexões ADSL". O estudo critica a falta de definição de novos padrões e licitações de frequências na região.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.