Oi entra na região da BrT com plano pré-pago

A Oi anunciou nesta quinta-feira, 23, o início das operações de telefonia móvel com a sua marca na região II, área original da Brasil Telecom recém-adquirida pela companhia. A Oi começa a substituição do portfólio da Brasil Telecom pelo plano pré-pago.
Para o lançamento, a Oi preparou uma oferta que dá R$ 20 de bônus por dia, desde que o cliente insira créditos de pelo menos R$ 1 por mês. Quem adquirir o chip até o dia 24 de maio tem seis meses com o benefício. A oferta é válida até o dia 24 de maio ou até chegar a 1 milhão de clientes em toda a região. A rede, de fato, começa a operar no dia 17 de maio, quando a empresa pretende já ter substituído a logomarca das 70 lojas da BrT e demais itens de identidade visual na região II.
O bônus poderá ser usado para fazer ligações locais para Oi, BrT Móvel ou telefone fixo. No Sul, clientes também poderão enviar mensagens de texto para qualquer operadora no Brasil e, usando os códigos 31 ou 14, fazer longa distância para Oi, BrT Móvel, BrT Fixo ou Oi Fixo. João Silveira, diretor de mercado da Oi, acredita que a adesão à promoção seguirá o que já acontece no mercado, ou seja: 60% de churn (dos quais de 15% a 20% a empresa acredita que venha da própria BrT) e 40% de novos clientes. A expectativa da Oi é elevar o market share na região da Brasil Telecom aos níveis da região I, que está na casa dos 30%. Hoje a BrT tem cerca de 15% de market share.
Silveira explica que, mensalmente, a empresa irá introduzir na região um novo produto da empresa. O próximo passo será o plano pós-pago de telefonia móvel. "Toda vez que entrar um produto da Oi paramos de comercializar o produto equivalente da Brasil Telecom", detalha o executivo, acrescentando que possivelmente clientes com planos da Brasil Telecom ainda existam por muitos anos. A previsão da empresa é que até setembro todo o portfólio da Oi já esteja transposto para a região II.
Silveira disse que a Oi pretende manter alguns planos criados pela BrT, mas não quis revelar quais são eles, embora tenha citado o sucesso do Pula-Pula que a Brasil Telecom tem para o pós-pago.
Investimento
A empresa planeja investir R$ 2 bilhões neste ano em telefonia móvel, sendo que metade disso será destina à melhoria da cobertura na região II. "Identificamos algumas oportunidades de melhoria na região Sul. Esse investimento vai melhorar a cobertura em estradas e também abrir novas cidades", diz Silveira.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.