Vivo lança comercialmente smartphones com Firefox OS com preços a partir de R$ 29

A Telefônica/Vivo lança esta semana, no Brasil, os dois primeiros smartphones com sistema operacional Firefox OS. A promessa de trazer um produto que tenha preço competitivo para popularizar o acesso a smartphones está sendo cumprida. A linha de oferta da operadora vai de R$ 29 para o modelo mais barato (Alcatel One) com plano smartphone ilimitado 60 a R$ 449 para o modelo mais caro no pré-pago (LG Fireweb). O mesmo celular da LG sai por R$ 99 se for contratado com plano de ilimitado 60. A franquia é de 100 MB e os aparelhos são 3G HSPA apenas.

Por enquanto, as fabricantes têm exclusividade com a Vivo e não existem planos para que outras operadoras também lancem uma linha com Firefox OS. "Esperamos que boa parte das nossas vendas de Natal seja nessas novas opções", diz Paulo César Teixeira, CEO da Telefônica/Vivo.

Web

O Firefox OS, lançado recentemente na Europa, tem um conceito diferente de funcionamento, baseado em HTML 5. Isso faz com que quase todas as funções do aparelho exijam uma conexão à Internet para funcionar. Por outro lado, isso permite configurações de hardware mais simples, o que diminui o custo.

A plataforma tem sido fortemente fomentada pela Telefônica, mas isso não impede que serviços over-the-top (OTT), que competem com os serviços tradicionais de SMS e voz, rodem no smartphone. No entanto, as opções mais conhecidas, como Skype e WhatsApp, ainda não têm aplicativos para o Firefox OS.

No caso do smartphone da LG, ele é fabricado no Brasil, conta com a desoneração prevista na Lei do Bem (PIS e Cofins) e, portanto, tem um pacote de aplicativos brasileiros embarcados. Ainda assim, explica Teixeira, a Vivo subsidia parte do preço dos aparelhos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.