UIT quer ter "papel central" na padronização do 5G

O secretário geral da União Internacional de Telecomunicações (UIT), Hamadoun Touré, confirmou que a entidade deverá ter um "papel central" na padronização da tecnologia de rede móvel de quinta geração, o 5G. De acordo com o site Mobile World Live, essa declaração foi feita por meio de videoconferência nesta segunda, 22, para o evento "5G Huddle", organizado pela Wireless World Research Forum (WWRF) e pela cooperativa de empresas de tecnologia britânica, techUK.

Touré teria dito que a UIT e a indústria de TICs já "reconheceram" o papel da entidade na padronização da nova tecnologia por meio da International Mobile Telecommunications (IMT), requerimentos do grupo de trabalho da UIT-R. A IMT já esteve envolvida com a padronização do 3G e do 4G. "Investigação detalhada de elementos chave do 5G já está a caminho, mais uma vez galvanizando a parceira altamente bem-sucedida que a UIT forjou com a indústria móvel e uma grande variedade de stakeholders da comunidade móvel".

A ideia é endereçar o crescimento da demanda para serviços móveis além do acesso do usuário final, como a Internet das Coisas (IoT). O padrão, que promete grande capacidade, altas velocidades, eficiência espectral alta, segurança e baixo consumo de energia, deverá estar pronto entre 2018 e 2020. Touré espera que um cronograma de trabalho seja finalizado já no ano que vem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.