Terra fará a gestão das lojas de downloads da Telefónica na América Latina

O Terra se aproveitou de uma experiência de mais de dez anos oferecendo conteúdos e serviços de valor adicionado em plataformas móveis e de sua conexão direta com o billing de 50 operadoras celulares em toda a América Latina para expandir seus negócios. A empresa, que hoje conta com mais de 25 milhões de usuários móveis de serviços pagos em toda a América Latina fechou um contrato para a gestão das lojas de downloads e serviços de todas as 14 operações da Telefónica na região: isto é, todas as operadoras Movistar mais a Vivo.

A head de Mobile do Terra, Beatriz Nuñez, explica que o Terra assumiu a gestão da loja white lable da Vivo ainda em abril de 2014 e agora o modelo está sendo expandido para as demais operações da Movistar. "Usamos nossa experiência em segmentação de conteúdos e serviços para nichos específicos, a partir de perfis de usuários. A gente aplica a segmentação que já usamos em nosso próprio portal para a oferta de publicidade nos diversos canais, como SMS, WAP, portais de voz e aplicativos, para entregar nas lojas das operadoras conteúdos e serviços que fazem sentido para cada usuário", detalha.

Para o CEO global do Terra, Paulo Castro, o espaço da oferta de conteúdos pelo celular vai crescer cada vez mais, acompanhando a evolução na quantidade de usuários com celulares na América Latina. Ele explica que o Terra faz a gestão de todos os conteúdos e serviços na loja da Vivo, desde downloads de imagens, vídeos, jogos e ringtones, até canais de informação, entretenimento, esportes e conteúdo adulto, dentre outros. "Começamos agora a gestão da loja da Movistar no Equador. Ao longo do ano implementaremos a gestão no Chile, no México e na Argentina. E há um planejamento para assumirmos todas as outras 13 operações da Movistar na América Latina", revela o executivo.

Notícias relacionadas

E a ideia não é parar por aí. "Estamos trabalhando em outros acordos com outras operadoras na região", diz Castro, revelando apenas que não necessariamente o que está sendo negociado siga o mesmo modelo de administração de lojas fechado com a Telefónica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.