SES adquire fornecedora de soluções satelitais do governo dos EUA

Montagem do satélite da constelação O3b mPower. Foto: Divulgação SES/Boeing

A SES anunciou acordo com a Leonardo DRS para a aquisição da subsidiária DRS Global Enterprise Solutions (GES) por US$ 450 milhões. A ideia da operadora de satélite de Luxemburgo é incrementar o valor da atuação no segmento de governo nos Estados Unidos, do qual a GES é fornecedora. 

Segundo comunicou a SES nesta terça-feira, 22, a expectativa é de que a transação seja finalizada no segundo semestre deste ano. Após essa etapa, a GES será combinada com a divisão Government Solutions (GS) da SES, "criando um provedor de soluções de [grande] porte para atender as demandas de conectividade crítica do governo dos EUA". 

A GES trabalha há mais de 20 anos com soluções fim-a-fim personalizadas para comunicações via satélite em aplicações terrestres, marítimas e aéreas para o governo norte-americano. A receita anual projetada é de mais de US$ 250 milhões, com contratos de longo prazo com agências e experiência em soluções para gestão de TI e cibersegurança. 

Notícias relacionadas

"A SES planeja combinar a GES com a GS para aproveitar a combinação de culturas e compromisso profundo em prover soluções globais e seguras", diz a operadora, citando a própria capacidade de satélites e a possibilidade de simplificação comercial e técnica para o governo dos EUA. A ideia é poder expandir o acesso ao mercado com a rede de constelação de órbita média (MEO) O3b mPower, que deverá estar disponível no final deste ano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.