Mercado deverá ser abastecido com meio milhão de smallcells em 2013

Até o final deste ano, o mercado mundial de smallcells externos deverá ser abastecido por 500 mil unidades, afirma levantamento da ABI Research divulgado nesta terça-feira, 22. Comparando com 2012, foi uma melhora de 44,4%, quando foi registrado 278 mil unidades entregues. A expectativa agora é de que haja um maior interesse para que as miniantenas sejam mais instaladas em ruas, provocando um novo aquecimento no biênio 2013/14 após um 2012 fraco.

Os aparelhos ideais para serem instalados em ruas são os de classe 1 W ou inferior. Segundo a ABI, esse será o segmento com o maior crescimento, representando "quase dois terços" do abastecimento das unidades em 2013. Isso continuará a crescer, destronando as microcells de 5 W e 10 W do posto de maior setor em 2014.

A previsão diz que o crescimento anual composto (CAGR) das smallcells vai ser de 52,7%, chegando a 3,5 milhões de unidades até 2018. A classe desses equipamentos que deverá ter o maior aumento é o de smallcells LTE, que deve chegar a um milhão de unidades enviadas daqui a cinco anos, com operadoras começando a diferenciar os serviços 4G ao adicionar capacidade e localizações estratégicas dos equipamentos.

Ainda assim, a ABI Research considera que os desafios de backhaul smallcell, aquisições de sites, gerenciamento de rede e mitigação de interferência magnética vão continuar. No entanto, há novidades como "smallcells as a service" e instalação e comissionamento de fornecedores que deverão compensar esses problemas. A empresa aposta ainda na observação de um recente crescimento nos debates sobre a implementação de smallcells externas, o que sugere a melhora deste mercado e o aumento da confiança nos equipamentos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.