Angola Cables terá ponto de troca de tráfego em data center de Fortaleza

Inaugurado em abril deste ano, o data center tier III da Angola Cables em Fortaleza se tornará um ponto de troca de tráfego (PTT), anunciou a operadora na terça-feira, 20. Com a ativação, a estrutura terá conexão direta com 174 redes de carriers; provedores regionais, de aplicações ou de conteúdo; e com o IX.br da capital cearense.

A expectativa da Angola Cables com o investimento é transformar o data center (AngoNAP Fortaleza) em um "marketplace" que possa atender o hub de telecomunicações da região. Dentro do PTT, usuários poderão se conectar por meio de portas Ethernet de capacidades entre 1 Gbps e 100 Gbps. A operadora também nota que a cidade de Fortaleza deve movimentar cerca de 600 Gbps de dados a partir de 2020, ampliando os 227 Gbps atuais que já credenciam a capital como terceiro município de maior tráfego do País, segundo a empresa.

Atualmente, a Angola Cables opera os sistemas de cabos submarinos SACS, Monet e WACS, além de gerir o data center brasileiro e o AngoNAP Luanda (Angola). No seu país de origem, a operadora também faz gestão do Angonix, um PTT que está entre os cinco maiores de África.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.