Level 3 começa a oferecer serviço de CDN na América Latina

A Level 3 Communications anunciou nesta terça-feira, 21, o lançamento seus serviços de rede de entrega de conteúdo (CDN) na América Latina. O serviço era prestado pela companhia, até então, apenas nos Estados Unidos e Europa, com foco maior na distribuição de vídeos.

Notícias relacionadas

Segundo a empresa, o objetivo é se apoiar na infraestrutura local e própria, por meio de seu backbone IP, para a prestação do serviço e a consequente concorrência local com a Akamai, líder mundial no segmento.

Clientes

No Brasil, a estratégia da empresa está baseada na oferta de novos serviços de valor agregado aos clientes que já possuem alguma relação comercial com a empresa. Entretanto, a prospecção de novos contratos apenas para esta área não está descartada. De acordo com Olavo Poleto Filho, diretor de marketing e produtos da Level 3, desde o início do segundo semestre a empresa já conseguiu três clientes interessados em testar o serviço nas áreas de educação, e-commerce e turismo.

Segundo a própria Level 3, o Grupo Z, provedor chileno de transmissão online de áudio e vídeo, já começou a utilizar a rede CDN da companhia, “para fornecer para as radiodifusoras em toda a América Latina alguns de seus maiores eventos, como: festivais de música, jogos de futebol e eventos de maior demanda”.

Em entrevista recente a este noticiário, Pablo Alberto Yañez, vice-presidente para a área de dados da empresa, afirmou que a Level 3 pretende faturar US$ 1 milhão no primeiro ano de operação da rede CDN na América Latina, montante que crescerá 800% em cinco anos, chegando a US$ 80 milhões. “É um dos serviços que mais vai crescer nos próximos anos”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.