Maior participação na Telesp Celular beneficia PT

O mercado entendeu que a Portugal Telecom (PT) acabará se beneficiando com o aumento de sua participação na Telesp Celular por dois motivos: seu fluxo de caixa vai aumentar e o desembolso não chega a afetar o plano de redução da dívida, no fim do ano, em ? 900 milhões. Depois que anunciou que compraria as ações que sobraram do processo de aumento de capital da operadora paulista, as ADRs da companhia portuguesa chegaram a subir mais de 7% nesta quarta, 21.
Vale lembrar que do total de 714 milhões de novas ações postas à venda pelo preço de R$ 3,50, somente 49% foram adquiridas. Depois disso, os portugueses exerceram seu direito de comprar as sobras, o que eleva a sua participação de imediato de 41,2% para 56,9%, podendo chegar a 70,9%. Isso é o que deve ocorrer, porque há pouco interesse dos investidores em manter ou aumentar posição na empresa.
Difícil acreditar em um movimento comprador efetivo até que se complete o processo de aumento de capital. O interesse pelo papel pode aumentar um pouco porque a Telesp Celular deve ganhar espaços da BCP na Grande São Paulo nos próximos meses, aproveitando-se das fraquezas financeiras da concorrente. Na bolsa paulista, Telesp Celular ficou nos mesmos R$ 3,50, que foi o preço fixado para a venda das novas ações.

Notícias relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.