Compartilhamento de sites só nas bandas D e E

Nicolini também observa que a locação compartilhada de sites não deve deslanchar no Brasil a partir das operações da banda C, como se previa inicialmente. Os novos concorrentes desta faixa, diz ele, terão de construir seus próprios sites, como fizeram as operadoras das bandas A e B, e haverá melhores condições para as locações apenas nas bandas D e E. Outra empresa do segmento, a israelense Giltek, contudo, não confirma a tendência e sustenta que não muda seus planos de construir e instalar no próximo ano um total aproximado de mil sites no País.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.