Operadora vai abandonar comutação convencional

A rede da GVT usa uma tecnologia mista entre comutação por circuitos e por pacotes, mas o contrato realizado com a Nortel já prevê que a rede torne-se em 2001 completamente comutada por pacote. Primeiro, haverá a migração para o ATM e depois para o IP. Além disso, a GVT está realizando testes com equipamentos Siemens/Floware, Marconi e Breezecom para escolher o fornecedor do sistema WLL para a faixa de 3,5 GHz. A tecnologia permitirá o acesso a dados a até 2 Mbps através do WLL.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.