Acordo entre Blockbuster e Motorola dificilmente usará rede das teles

No começo desta semana, a Blockbuster e a Motorola anunciaram um acordo exclusivo nos EUA: alguns modelos de celulares da fabricante virão com um aplicativo embarcado para acesso ao serviço "Blockbuster On Demand", que consiste no aluguel digital de filmes e possui um catálogo de 15 mil títulos. O comunicado oficial das empresas, contudo, não revelou a data de lançamento da versão móvel e nem exatamente em quais aparelhos da Motorola o aplicativo será embarcado. Tampouco foram informados detalhes sobre como o serviço funcionará em celulares. O site Rethink Wireless (www.rethink-wireless.com) duvida que o streaming ou download dos filmes será feito pelas redes das operadoras móveis, porque ocuparia muita banda. O mais provável, na opinião do site, é que seja um serviço de download via WiFi direto no celular. Também haveria a opção de baixar o filme para um PC e fazer a transferência em seguida para o celular (sideloading).
Em sua análise, Rethink Wireless aposta que o download custará entre US$ 2,50 e US$ 4 por filme. No aluguel digital, depois que o usuário inicia a sessão, a Blockbuster impõe um limite de 24 horas para que o filme seja assistido. No caso dos celulares, Rethink Wireless acredita que a empresa aumentará esse limite para algo próximo a 72 horas, já que os usuários provavelmente assistirão ao filme ao longo de várias sessões curtas de 10 a 15 minutos, durante momentos de ócio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.