Publicidade
Início Newsletter Qual a velocidade do 5G no Brasil, segundo novo relatório da Opensignal

Qual a velocidade do 5G no Brasil, segundo novo relatório da Opensignal

Foto: Freepik

A empresa de análise da experiência móvel Opensignal publicou um novo relatório sobre a performance das operadoras brasileiras. No caso do 5G, uma velocidade de download de 403,2 Mbps foi constatada entre usuários da Vivo, passando para 351,1 Mbps entre clientes da TIM e 301,6 Mbps no caso da Claro.

Os resultados compreendem avaliações de rede feitas entre março e maio deste ano, com ajuda de medidores instalados em aplicativos parceiros da Opensignal. Os números das teles ficaram abaixo da velocidade de download média indicada pela Anatel no começo do mês: 446,9 Mbps, desta vez a partir de dados de outra medidora (a Ookla).

O novo relatório também segue apontando velocidades de upload 5G bastante assimétricas ao oferecido a clientes no download. A Vivo liderou também no quesito, com 35,9 Mbps no upload 5G, seguida de TIM (29,3 Mbps) e Claro (29,1 Mbps).

Notícias relacionadas

Especificamente na tecnologia de quinta geração, Vivo e TIM ainda foram consideradas as provedoras com melhor experiência de vídeo, enquanto Claro foi o destaque na experiência 5G com jogos e também com voz.

Já quando o assunto é cobertura, o destaque no novo relatório da Opensignal foi a TIM – tanto no consolidado das tecnologias quanto no 5G. Neste caso, usuários 5G se conectaram aos serviços de quinta geração da TIM em 10,8% do tempo, contra 8,5% na Claro e 6,2% do tempo na Vivo.

“A TIM [também] vence o alcance em 5G plenamente, com uma pontuação de 4,2 em uma escala de 10 pontos. Essa pontuação significa que nossos usuários estão conectados a serviços 5G em mais de quatro dos 10 locais que visitam”, afirmou a Opensignal. Claro e Vivo performaram notas 3,1 e 2,6, na ordem.

Geral

Considerando a experiência geral – que engloba também o 4G -, o cenário apontado pela Opensignal é diferente. A Claro aparece como prestadora com maior velocidade de download (23,7 Mbps), seguida da Vivo (22,5 Mbps) e com a TIM em terceira (21,3 Mbps). Nos três casos, a velocidade de upload média ronda os 8 Mbps.

A TIM, contudo, apresentou a melhor experiência com vídeos no cômputo de todas as tecnologias (indicando que usuários são, em média, capazes de transmitir vídeos em 720p ou mais, com tempos de carregamento satisfatórios e baixa perda de rendimento), além de vencer no quesito voz.

Já a Claro surgiu como detentora da melhor experiência de jogos, assim como no 5G. Na soma das tecnologias, a performance da empresa para games seria “razoável”, segundo a Opensignal – o que significa que usuários consideram a experiência mediana apesar de, na maioria dos casos, o jogo corresponder às ações do jogador. Enquanto isso, a experiência dos usuários da TIM e da Vivo seriam ruins, atesta a medidora.

Cobertura

Já no cômputo geral da disponibilidade de redes móveis, usuários na rede da TIM se conectariam em uma rede 3G ou melhor durante 96% do tempo, versus 95,1% na Vivo e 94,6% na Claro, afirmou a Opensignal.

Um outro quesito avaliado pela empresa foi a chamada qualidade consistente – que mede com que frequência a experiência dos usuários é suficiente para atender aos requisitos de vários aplicativos mais exigentes usados para uma variedade de tarefas. A TIM foi mais uma vez o destaque, com nota 60,1. A Claro teve 57,7 e a Vivo, 56,3.

1 COMENTÁRIO

  1. Gostaria de saber se há como fazer um levantamento (Relatório) da velocidade de Internet recebida em determinado período? A exemplo de um ano, mês a mês.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile