MP com recursos para satélite perde validade, mas Telebras já usou o dinheiro

A Medida Provisória (MP) 662/2014, que destinava R$ 404 milhões à Telebras para pagamento do satélite brasileiro, teve seu prazo de validade extinto, sem que fosse votada. O fim do prazo da MP foi publicado na edição desta quarta-feira, 20, do Diário Oficial da União.

Notícias relacionadas
Apesar de extinta a MP, a Telebras informa que já usou os recursos para pagamento de etapas da construção de satélite. Segundo a estatal, a MP foi editada para justificar antecipação do orçamento. Agora o governo terá que encontrar outra solução para computar o gasto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.