Nokia reporta marca de 50 contratos comerciais para 5G

A fornecedora de equipamentos Nokia reportou a marca de 50 contratos comerciais para desenvolvimento de redes 5G em todo o mundo. O número foi alcançado após a celebração de acordos na Oceania com as provedoras de serviços Docomo Pacific e Spark.

No caso da Spark, a Nokia foi selecionada como uma das fornecedoras de tecnologia para redes de acesso na implementação do 5G da operadora na Nova Zelândia. A solução AirScale RAN será instalada em mais de 200 estações radiobase (ERBs). Outros produtos do portfólio da finlandesa também devem ser utilizados na operação. A Spark já conta com serviços 5G ativos na Nova Zelândia após lançamento comercial em fase de testes na cidade de Alexandra – também com ajuda de equipamentos da Nokia.

Já o contrato de número 49 celebrado ao lado da Docomo Pacific mira o desenvolvimento do 5G nas Ilhas Marianas e em Guam. A Nokia será fornecedora principal da empreitada. Em Guam, a Docomo já lançou uma rede 5G operacional em duas cidades; voltado para usos corporativos, o serviço utiliza soluções end-to-end da fornecedora finlandesa. Segundo a Nokia, Guam (um território sob jurisdição dos EUA) conta com uma das infraestruturas de telecom mais desenvolvidas do Pacífico sul.

Ao todo, 16 redes 5G ativas foram viabilizadas por equipamentos da Nokia, incluindo as lançadas pelas quatro grandes operadoras norte-americanas, além das três principais sul-coreanas. Apesar da performance comercial, a fornecedora avalia que a fase inicial da quinta geração de redes deve pressionar as margens da companhia por algum tempo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.