Fragmentação de plataformas móveis será maior em países emergentes

O mercado mundial de smartphones é hoje dominado por dois sistemas operacionais: Android e iOS. Outros players, como Windows Phone e BlackBerry 10, disputam o terceiro lugar. Nos próximos anos, contudo, a fragmentação crescerá especialmente em países emergentes, com a popularização de novas plataformas que têm como alvo modelos de baixo custo, como Firefox OS, Asha e Sailfish. Estima-se que em 2018 essas novas plataformas responderão por 13% do mercado mundial de smartphones, puxadas por países como Índia e China, com aparelhos adaptados ao gosto do público local. Essa é a conclusão de um novo estudo da Juniper Research, intitulado "O futuro dos smartphones: estratégias de diferenciação e oportunidades emergentes entre 2013 e 2018".

A empresa de pesquisas e análises acredita que isso pode significar o começo de um lento declínio dos sistemas dominantes. Contudo, em 2018, projeta que Apple e Samsung ainda dominarão o mercado mundial de smartphones. Naquele ano, as duas empresas serão responsáveis pelo abastecimento de 800 milhões de smartphones no varejo mundial, 17% a mais do que foi distribuído por ambas no ano passado. Nessa previsão, a Juniper inclui o lançamento de uma versão mais barata do iPhone este ano.

A maior parte do crescimento em vendas de smartphones ao longo dos próximos anos se concentrará no segmento de modelos ultrabaratos, com destaque para economias emergentes como a Índia e a China. O segmento de smartphones premium, ou superphones, terá um crescimento modesto, dependendo muito da inovação e da diferenciação entre os players.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.