Oi ressalta: oferta vinculante da Claro, TIM e Vivo não foi a única recebida

Em posicionamento na noite do sábado, 18, a Oi informou que a oferta vinculante tríplice da Claro, TIM e Vivo pela Oi Móvel não foi a única. A operadora recebeu "mais de uma" proposta, e diz que, por motivos de "confidencialidade e interesse comercial", só deverá divulgar detalhes sobre o conteúdo e sobre os proponentes quando o processo competitivo for encerrado.

A companhia ressaltou ainda que a alienação da Oi Móvel será por meio de processo competitivo perante o juízo da recuperação judicial, na forma do aditamento ao plano da RJ divulgado em junho. Por isso mesmo, será necessária a aprovação desse aditamento em assembleia geral de credores, que deverá acontecer em agosto

Depois desse processo, a proposta acordada ainda precisará passar pela homologação do juízo da RJ. E então, seguirá para a análise regulatória da Anatel e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). 

Comunicado

Confira o comunicado da Oi na íntegra abaixo:

A Oi informa que, conforme Fato Relevante divulgado ao mercado, recebeu mais de uma proposta vinculante para aquisição de suas operações Móveis, como resultado do processo de market sounding realizado e já anunciado pela companhia.

A companhia informa que uma das propostas recebida foi a oferta vinculante conjunta proposta por Claro, Tim e Vivo, divulgada publicamente por estas empresas. E acrescenta que por motivos de confidencialidade e interesse comercial não pretende fornecer detalhes adicionais sobre as propostas ou proponentes, até o encerramento do processo competitivo já divulgado.

Vale esclarecer que a alienação do ativo se dará por meio da formação de UPI a ser alienada em processo competitivo perante o juízo da RJ, na forma do aditamento ao PRJ protocolado pela Cia em 15/06 e já divulgado ao mercado, e após aprovação deste aditamento em AGC pelos credores e consequente homologação pelo juízo da Recuperação Judicial. A operação seguirá os ritos regulatórios e judiciais previstos no processo de RJ da companhia

A Oi esclarece que a estratégia da companhia é se tornar a maior provedora de infraestrutura de telecomunicações do país, a partir da massificação da fibra ótica e internet de alta velocidade, do provimento de soluções para empresas e da preparação para a evolução para o 5G, conforme determinado no seu Plano Estratégico. As operações de negociação em curso não têm impacto para os clientes da companhia, que mantem sua prestação de serviços normalmente, seguindo os padrões de qualidade e regulamentação exigida pela Anatel.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.