Anatel divulga edital e cria comissão para licitação de posições orbitais

Está disponível no site da Anatel e na homepage do site TELETIME o edital de licitação de quatro posições orbitais cujas propostas deverão ser entregues até o dia 23 de agosto. É permitida a participação em consórcio, mas uma mesma empresa ou sua controladora, controlada ou coligada não poderá ser declarada vencedora de mais de duas posições. O direito de exploração é válido por 15 anos, prorrogáveis por mais 15 anos. As operadoras vencedoras terão quatro anos para entrar em operação e poderão explorar as bandas C, Ku e Ka.
No caso das posições que já estão notificadas ao Brasil, 25% da capacidade do satélite deverá atender ao País. No caso das posições ainda não notificadas, a exigência de capacidade dedicada ao Brasil vai a 50%. Em ambos os casos, os satélites precisam cobrir 100% do território nacional. O preço mínimo estipulado para cada posição é de R$ 3.945.844,10.
Comissão

Notícias relacionadas
O presidente da Anatel, Ronaldo Sardenberg, criou a Comissão Especial de Licitação (CEL) destinada a conduzir os procedimentos relativos à licitação. A comissão é composta pelo presidente: João Carlos Fagundes Albernaz, pela vice-presidente Vania Maria da Silva e pela secretária Isabella Barbosa de Freitas. Ainda compõem a comissão Paulo Eduardo Stangler, Anne Danielly Gomes Durães e Antonio Allam Giacomet. Qualquer dúvida em relação ao edital deverá ser encaminhada ao presidente da comissão até o dia 3 de agosto (20 dias antes da data de entrega das propostas) em requerimento protocolado na sede da Anatel ou por correspondência registrada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.