Oi conclui etapa final de anel ótico de 2,6 mil km em MT

Foto: Bruno do Amaral

Notícias relacionadas

Como parte de um projeto do anel ótico de 2,6 mil km ligando cidades no Mato Grosso com uma rede de capacidade inicial de 40 Gbps, o que aumentará a capacidade da infraestrutura anterior em 25 vezes, a Oi anunciou nesta sexta-feira, 18, a conclusão de uma das últimas etapas da implantação dos 490 km finais que conectarão as cidades de Alta Floresta e Juína. Segundo a operadora, essa fase final contou com 17 profissionais (supervisores, engenheiros e técnicos mergulhadores) para instalar 1,3 km de fibra subaquática no leito do Rio Jurena (800 km de Cuiabá), beneficiando municípios na região centro-oeste matogrossense.

A Oi afirma que a conclusão dessas obras completa o anel, que deverá estar operacional já no primeiro trimestre de 2016 e poderá trazer benefícios "diretos e indiretos" para 39 municípios na rota da rede. A infraestrutura, que inclui a instalação de equipamentos DWDM de grande capacidade e que será interligada ao backbone nacional da empresa, deverá melhorar não apenas a qualidade da banda larga, mas também promete benefícios para as redes móveis 2G e 3G. A tele diz que, de janeiro a setembro, investiu R$ 55 milhões no estado.

Anel ótico da Oi em Mato Grosso. Foto: Divulgação
Anel ótico da Oi em Mato Grosso. Foto: Divulgação

3 COMENTÁRIOS

  1. É com orgulho que leio esta matéria.
    Posso dizer que fiz parte desta história,o começo de tudo isso foram os rádio-enlaces 5Ghz pdh e depois sdh.
    Parabéns á filial MT!.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.