CMVM portuguesa pede informações adicionais à PT

O supervisor do mercado de capitais de Portugal pediu esclarecimentos à Portugal Telecom sobre a alienação da TMN e da PT Comunicações à PT Portugal, segundo um requerimento da Sonaecom, informou o presidente da CMVM (Comissão do Mercado de Valores Mobiliários), Carlos Tavares. No requerimento, enviado à CMVM em 20 de novembro, a Sonaecom alega que a alienação da TMN e da PT Comunicações à PT Portugal ultrapassa a gestão normal da sociedade a que a Portugal Telecom está obrigada enquanto alvo de uma OPA (Oferta Pública de Ações), já que altera de modo relevante a situação patrimonial da sociedade em questão, manifestando resultados no montante de mais de 800 milhões de euros. Ainda de acordo com a Sonaecom, a operação acarreta "constrangimentos à livre disposição ulterior das participações, no plano societário e fiscal, com o conseqüente impacto significativo nos objetivos anunciados pelo oferente". Caso a CMVM decida que a alienação da TMN e PT Comunicações à PT Portugal extravasa a gestão normal da sociedade, a Portugal Telecom terá de recuar na operação ou convocar uma assembléia geral de acionistas para a aprovar. A Sonaecom lançou uma OPA sobre a Portugal Telecom no dia 6 de Fevereiro, oferecendo 9,5 euros por ação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.