Venda de celulares volta a crescer no Brasil

Foto: kaboompics.com/Pexels.com

O mercado brasileiro de celulares voltou a crescer depois de cinco trimestres seguidos de queda, informa a IDC em seu relatório Brazil Mobile Phone Tracker Q3. Entre julho e setembro deste ano, foram 12,56 milhões de aparelhos comercializados no País, volume 7,2% maior que o registrado no mesmo período do ano passado. Desse total, 88,7%, ou 11,14 milhões, foram smartphones. O restante, ou 1,42 milhão, foram feature phones, ou seja, celulares básicos. Dentre os smartphones, 95,5% eram Android e 4,5%, iOS.

O mercado de smartphones movimentou R$ 10,7 bilhões em receita no terceiro trimestre. O preço médio do produto no Brasil entre julho e setembro foi de R$ 962,96, calcula a IDC. Os feature phones, por sua vez, geraram R$ 179,8 milhões em faturamento no mesmo período, com tíquete médio de R$ 126,65. 76,1% de todos os celulares vendidos no Brasil no terceiro trimestre custavam menos de R$ 1 mil.

Notícias relacionadas

Diego Silva, analista da IDC responsável pela pesquisa, atribui o crescimento das vendas à antecipação de encomendas dos varejistas para a Black Friday, que se tornou, no seu entender, a principal data para a venda de handsets no País. Ao mesmo tempo, os fabricantes enxugaram seus portfólios para manter preços competitivos, explicou o analista em comunicado enviado à imprensa.

Diante do resultado acima do previsto no terceiro tri, a IDC pretende rever sua estimativa de vendas para o ano de 2016 inteiro, que era de 40,3 milhões de unidades. Esse número deve ficar mais próximo dos 47 milhões vendidos em 2015.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.