Um mês após switch-off, 94% dos domicílios de Rio Verde já recebem as transmissões digitais

Um mês após o desligamento do sinal analógico da TV aberta, 94% dos domicílios do município goiano de Rio Verde já recebem as transmissões digitais, um ponto percentual acima da meta estabelecida pelo governo para autorizar o switch-off. O número é da mais recente pesquisa do Ibope na cidade, realizada entre os dias 2 e 5 deste mês. O resultado representa uma adição de nove pontos percentuais ao índice obtido no início de março, de 85% dos lares digitalizados.

A pesquisa também indica a opinião dos moradores de Rio Verde sobre o switch-off. Para 63% o desligamento foi bom, enquanto apenas 13% consideraram ruim. Outros 22% ficaram neutros. O ponto considerado mais positivo foi a qualidade da imagem, apontado por 82% dos entrevistados que aprovaram o desligamento. Para 30% dos que consideraram negativa a medida, a maior falha foi a perda do sinal.

O levantamento também indicou o motivo que levou os moradores do município goiano a demorarem em adaptar suas TVs. Entre eles, foram apontados a falta de dinheiro (21%), incerteza sobre o desligamento do sinal analógico (19%) e desleixo (8%).

O switch-off de Rio Verde foi no dia 1° de março, após decisão do governo em autorizar o desligamento do sinal analógico antes de atingir a meta de 93% dos lares digitalizados. A experiência no município goiano está servindo de base para os preparativos para o desligamento em Brasília e nove cidades do entorno, marcado para o dia 26 de outubro.

Os números da pesquisa do Ibope ainda serão analisados pelo Gired – grupo de implantação da digitalização – em reunião marcada para o final deste mês. Nesse encontro também serão decididas as perguntas da pesquisa que será aplicada na capital federal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.