TV a cabo segue em queda; dados de DTH distorcem números do mercado de TV paga

Depois de muito tempo sem atualizações, a Anatel publicou nesta quarta, 17, uma nova leva de dados mensais de acessos dos diferentes serviços de telecomunicações, desta vez com informações até fevereiro. E os números de TV por assinatura seguem confusos para qualquer acompanhamento efetivo do mercado, pois a exemplo do que havia feito com os dados de julho, a agência manteve os serviços "livres" como clientes do Serviço de Acesso Condicionado (SeAC).

Trata-se da modalidade de serviço em que a operadora de DTH vende o equipamento de recepção ao consumidor e permite o acesso aos canais gratuitos e obrigatórios no sistema, mas sem cobrança de assinatura. Em julho, quando a Anatel passou a adotar essa metodologia, o total de acessos o total de acesso de TV paga saltou de menos de 14 milhões até então para 16,37 milhões. Agora o número de "assinantes" de TV paga está em 16,84 milhões, porque desde a última atualização a Sky passou a reportar para a agência mais 730 mil usuários do serviço aberto, computados agora como cientes de TV paga, chegando a 4,76 milhões de clientes.

No satélite, a Claro tem 1,5 milhão de clientes (incluindo os da modalidade "livre), mas é um número menor do que o de julho, que já contava com essa base não-pagante. Ou seja, houve queda de base no período de dois meses. A Oi também caiu cerca de 75 mil usuários entre julho e setembro, e está em cerca de 3,41 milhões de usuários (considerando os "livres").

Notícias relacionadas

O que é possível ter com maior segurança são os dados de assinantes dos serviços de cabo e fibra, que não apresentaram esse tipo de distorção. No caso da TV a cabo, são 5,630 milhões de assinantes em setembro (contra 5,575 milhões em julho), sendo que a Claro, maior operadora, segue numa trajetória de perda de base e registrou em setembro 5,5 milhões de assinantes, uma queda de 140 mil clientes a menos em relação a julho.

Já os assinantes de TV paga em fibra estão em 1,33 milhão, sendo a maior a Vivo TV com 917 mil acessos, contra 88 mil da Claro e 94 mil da Oi TV. Os pequenos provedores tem cerca de 234 mil acessos em fibra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.