Oi receberá verba social para projeto de inclusão financeira

A Oi é uma das quatro primeiras operadoras do mundo a obter aprovação para receber parte da verba do Fundo de Dinheiro Móvel para Pessoas Sem Acesso a Serviços Bancários (MMU – Mobile Money for the Unbanked), criado recentemente para financiar teles móveis, bancos, instituições microfinanceiras, governos e organizações de desenvolvimento em projetos que estimulem a expansão de serviços financeiros móveis confiáveis e acessíveis a pessoas excluídas do sistema financeiro. A informação foi divulgada nesta quinta-feira, dia 17, pela GSMA, organização que representa as operadoras e fabricantes de tecnologia GSM no mundo e que gerencia esse fundo, que recebeu aporte de US$ 12,5 milhões da Fundação Bill & Melinda Gates. As outras três operadoras contempladas são a AXIS na Indonésia, a Roshan, no Afeganistão, e a SMART Communications, nas Filipinas. "As operadoras não somente fornecerão serviços de dinheiro móvel para os sem acesso a serviços bancários, como também melhorarão a forma pela qual comunidades inteiras vivem e realizam negócios, ajudando-as a alcançarem estabilidade, crescimento econômico e estimulando oportunidades empresariais", disse Gavin Krugel, diretor da GSMA. "Trabalharemos forte para alcançar nosso objetivo, que é o de alcançar 20 milhões de pessoas sem acesso a serviços bancários através dos serviços móveis
até 2012", acrescenta.
Projeto Oi

Notícias relacionadas
O projeto da Oi pretende viabilizar uma série de serviços financeiros aos indivíduos que residem em comunidades de baixa renda e em áreas remotas, como a consulta de verbas de programas do governo, remessas domésticas e compra de produtos em lojas da rede de comércio cadastrada. Está sendo também considerada uma opção para saques.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.