Operadoras de TV por assinatura melhoram indicadores de qualidade em 2014, diz Anatel

A qualidade do serviço de TV por assinatura avançou em 2014 na comparação com o ano anterior, especialmente entre as pequenas operadoras, que chegaram a cumprir mais de 90% das metas de qualidade dispostas no regulamento do serviço. De acordo com relatório elaborado pela Anatel, no geral, as operadoras cumpriram 89,97% dos indicadores no ano passado, ante 87,07% alcançados em 2013. Levando em conta apenas as pequenas operadoras, esse índice chega 91,4%, enquanto que os 10 maiores grupos cumpriram 84,3% das metas.

Notícias relacionadas
A Cabo Telecom, que oferta o serviço em dois municípios do Rio Grande do Norte para 48,4 mil assinantes, atingiu o índice de cumprimento de 99,2% das 12 metas de qualidade em 2014. No ano anterior, foram 98,3%. A Jangadeiro/Videomar, que opera apenas em Fortaleza para 55,1 mil usuários, o nível de atendimento das metas de qualidade chegou a 97,1% em 2014, resultado menor do que o atingido no ano anterior, de 97,9%. A Blue Interactive, que oferta a TV paga para 153,6 mil assinantes de 23 municípios em oito estados, alcançou um percentual de atendimento das metas de qualidade de 90%, ante 69% do ano anterior.

A Sky, que opera nos 27 estados para 5,6 milhões de assinantes, cumpriu 87,7% das metas de qualidade no ano passado, melhor posição entre as grandes empresas. Em 2013, a empresa atingiu o índice de 75,4%. Os pontos fracos do grupo são com relação aos índices de atendimento de ligações matutinas e noturnas, que ficaram abaixo de 20%.

A Algar, com operação em 116 municípios de quatro estados e com 121,2 mil assinantes, cumpriu 85,4% dos indicadores de qualidade em 2014. No ano anterior, esse índice não passou de 80,6%. Nossa TV, com atuação nos 27 estados para 124,2 mil clientes, o índice de atendimento das metas de qualidade ficou em 85,2%, enquanto em 2013 esse percentual era de 84,5%.

As empresas do grupo América Móvil (Net e Claro hdtv) atingiram o índice de 81,3% das metas de qualidade em 2014, contra 83,5% do ano anterior. As duas empresas atuam em todos os estados e detêm 10,1 milhões de assinantes, ou seja, donas de quase 52% do mercado. Os pontos fracos das empresas também estão nos índices de ligações atendidas nos períodos matutino e noturno, que ficaram abaixo de 50%.

A Oi, que detém 1,2 milhão de assinantes espalhados por todo o país, cumpriu 63,2% das metas de qualidade no ano passado, ante 68,4% em 2013. A empresa deixou de cumprir as metas de índice de reclamação do serviço e do índice de reclamação por erro em documento de cobrança.

A Vivo TV, com 770,2 mil assinantes em 23 municípios de oito estados, obteve o índice de cumprimento de metas de qualidade de 61,1%, abaixo do que alcançou em 2013, de 75%. Os piores desempenho da operadora se refere aos índices de índice de reclamação do serviço e do índice de reclamação por erro em documento de cobrança, abaixo até 20% do nível pretendido.

Em último lugar entre as 10 grandes, a GVT cumpriu em 2014 51,7% das metas de qualidade, desempenho abaixo ao alcançado no ano anterior de 56,3%. A empresa oferece o serviço em 18 estados e detém 881,8 mil assinantes. A operadora também deixou de cumprir as metas de índice de reclamação do serviço e do índice de reclamação por erro em documento de cobrança.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.