Qualcomm, Trópico, CPQD e Inatel vão atuar juntas em Open RAN para 5G

Foto: Pixabay

As fornecedoras Qualcomm e Trópico e os centros de pesquisa do CPQD e Inatel anunciaram uma colaboração para avaliar o desenvolvimento de produtos Open RAN para redes 5G no Brasil.

Segundo comunicado, o quarteto vai analisar "requisitos e potenciais oportunidades do mercado" de redes de acessos abertas, interoperáveis e com múltiplos fornecedores. Um dos focos do estudo devem ser small cells com tecnologia da Qualcomm.

Em comunicado, a companhia norte-americana destacou a parceria com empresas locais como forma de fomentar o ecossistema Open RAN nacional. Já a Trópico mencionou uma "poderosa colaboração que permitirá o desenvolvimento de um portfólio 5G O-RAN mais adequado aos mercados brasileiro e latino-americano".

Notícias relacionadas

O movimento foi comemorado pelo Ministério das Comunicações (MCom), que classificou a "participação ativa de empresas e entidades de pesquisa brasileiras" em equipamentos 5G como passo crucial após o leilão de 2021.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.