Brasil garantirá rentabilidade a acionistas

Com o fim do monopólio das telecomunicações em seu país, previsto para o início do ano 2000, a Portugal Telecom, dona de quase 100% do mercado português, sabe que perderá espaço para a concorrência e por isto busca novas fontes de receita em outros países. "Precisamos garantir níveis de rentabilidade para nossos acionistas", justifica o presidente da subsidiária brasileira, José Roque de Pinho. No Brasil, a empresa detém 49% da operadora de paging Mobitel. O atraso na licitação da banda B atraiu mais interessados na banda A e com isto o preço das teles deve subir. Entretanto, Pinho não acha que haverá problemas, porque a taxa interna de rentabilidade é estabelecida de comum acordo com os integrantes do consórcio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.