Claro lança conta digital Claro Pay em parceria com Banco Inbursa

Maurício Santos, diretor de serviços financeiros da Claro

[Publicado no Mobile Time] A Claro criou seu próprio serviço de conta digital de pagamentos, ao Claro Pay, em parceria com o Banco Inbursa, que pertence ao mesmo grupo econômico da operadora. O Claro Pay por enquanto está disponível para um grupo pequeno de clientes da Claro, mas será liberado para o público em geral a partir de janeiro de 2021.

O Claro Pay funciona através de um app para Android e iOS. Com ele, o usuário pode realizar pagamentos presenciais e remotos, fazer transferências, comprar recargas de celular e sacar dinheiro. O serviço já nasce integrado ao Pix: o Banco Inbursa é uma das 762 instituições financeiras homologadas pelo Banco Central para a prestação do serviço de pagamentos instantâneos.

A operadora vai criar promoções associando serviços telefônicos e financeiros. O foco inicial é a sua base pré-paga: na primeira recarga através do Claro Pay o cliente ganha um bônus de 10 GB, por exemplo.

A companhia promete buscar parcerias com outras instituições financeiras e fintechs para aumentar o leque de serviços do Claro Pay, incluindo seguros, cartão de crédito, empréstimo pessoal, financiamento, investimentos, câmbio, entre outros.

O executivo responsável pelo produto é Maurício Santos, diretor de serviços financeiros da Claro.

Análise

O lançamento do Claro Pay é mais um movimento da volta das operadoras celulares ao mercado de serviços financeiros, após iniciativas de dinheiro móvel que não foram bem sucedidas alguns anos atrás. Além da Claro, a Vivo lançou este ano o Vivo Money, focado em microcrédito, a TIM firmou parceria com o C6, e a Oi realizou testes com a fintech Conta Zap.

A TIM havia proposto que as teles se unissem em uma carteira digital conjunta para pré-pagos. O Claro Pay, contudo, parece indicar que a Claro prefere entrar nesse jogo sozinha, focando na sua comunidade de pré-pagos e se apoiando em uma instituição financeira que já faz parte do seu grupo controlador, o que deve garantir melhores condições.

O anúncio do Claro Pay no mesmo dia em que o Pix entra em operação plena não é coincidência. O Claro Pay nasce integrado com o serviço de pagamentos instantâneos. E, conforme apontado em artigo publicado no Mobile Time, as operadoras têm uma vantagem importante no Pix: a possibilidade de ativar novos clientes móveis já com contas de pagamento associadas aos seus números telefônicos como chave para pagamentos instantâneos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.