"Oi vai para o Novo Mercado, independente de consolidação", diz presidente da AG Telecom

O presidente da AG Telecom, um dos controladores da Oi, Otávio Marques de Azevedo, negou que a francesa Altice tenha procurado a empresa para negociar a compra dos ativos da Oi em Portugal, as operações da Portugal Telecom (PT). "Sei que procuraram diretamente os acionistas portugueses. De outras conversas, não sei", enfatizou. Notícias na imprensa portuguesa e de agências internacionais davam conta de que a Altice, do bilionário francês Patrick Drahi, também teria entrado em contato com os acionistas brasileiros controladores da Oi (Andrade Gutierrez e Jereissati) para negociar a compra dos ativos da PT.

Notícias relacionadas

Em comunicado ao mercado, a própria Oi havia negado ter recebido qualquer proposta da Altice, mas confirmou que o BTG Pactual, banco contratado para encontrar alternativas para a Oi, foi procurado pela Altice, que solicitou informações sobre os negócios em Portugal para, eventualmente, apresentar proposta. Embora oficialmente a Oi diga que não existe decisão sobre a venda dos ativos da PT, internamente a possibilidade está sendo vista como parte da estratégia para fortalecer o caixa da empresa, conforme apurou este noticiário.

Grande projeto

Azevedo, que também é presidente do conselho da Telemar, declarou que, no momento, a entrada da Oi no Novo Mercado "é o foco e o grande projeto da empresa". "É a única coisa que posso garantir. A Oi vai para o Novo Mercado dentro do prazo estabelecido, que é dia 25 de março, independente de consolidação, de entrada de novo acionista ou fusão. A Oi vai para o novo mercado, que é a forma que vemos de conseguir a capitalização necessária, diretamente no mercado", enfatiza. Para Marques, nem uma mudança no governo influenciaria esse movimento. "Mercado é mercado. O papel do governo é analisar operações do ponto de vista regulatório e concorrencial, com Anatel e Cade. E, mesmo assim, não tem nenhum projeto de consolidação envolvendo a Oi com o governo, até porque ainda estamos avaliando as alternativas", acrescenta. De acordo com o executivo, o BTG deve entregar nas próximas semana um relatório com estruturas de alternativas para a Oi.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.