Operadoras vão divulgar indicadores de impacto climático

Mais de 50 operadoras de todo o mundo se comprometeram com iniciativa liderada pela associação global das operadoras móveis (GSMA) e passarão a divulgar os impactos climáticos de suas operações, como usos de energia e emissões de gases de efeito estufa (GEE). Entre as empresas que aderiram estão a TIM Brasil e a Oi Móvel, além da Telefónica (controladora da Vivo) e da América Móvil (dona da Claro Brasil).

Parte de um plano de ação climática da indústria móvel, a divulgação das informações vai ocorrer por meio do sistema CDP (antes conhecido como Carbon Disclosure Project). De acordo com a GSMA, as operadoras que já embarcaram na iniciativa concentram mais de dois terços dos acessos móveis globais. As brasileiras já contam com estratégias de sustentabilidade de diferentes níveis de implantação.

Ainda segundo a associação, um próximo passo da indústria deve envolver um roteiro de descarbonização alinhado com a iniciativa Science Based Targets (SBTi). Essa fase incluirá o desenvolvimento de um plano envolvendo toda a indústria para alcançar zero emissões de gases de efeito estufa até 2050, em conformidade com o Acordo de Paris.

"O caminho em desenvolvimento fornecerá parâmetros para acelerar o ritmo em que as operadoras móveis estabelecem suas próprias metas", afirmou a GSMA, em comunicado. "Entretanto, os prazos para que cada empresa atinjam a meta dependerá de uma série de fatores, incluindo sua localização geográfica e sua capacidade de acessar energia renovável. A GSMA espera que algumas companhias atinjam ao objetivo de zero emissões significativamente antes do prazo de 2050".

Veja a lista completa das operadoras que divulgarão indicadores climáticos através do CDP: América Móvil, AT&T Inc., Axiata Group, Bell Canada, Bharti Airtel, BT Group, China Mobile, China Telecom, China Unicom, Chunghwa Telecom, Deutsche Telekom, DNA Plc, Elisa Corporation, Far EasTone, Globe Telecom, Inmarsat, KDDI Corporation, KPN, KT Corporation, LG Uplus, Magyar Telekom, Millicom International, MTN Group, MTS, NTT DOCOMO, Oi Móvel, Orange Group, Proximus, Reliance Jio, Rogers Communications, Singtel, SK Telecom, SoftBank Corp., Spark New Zealand, Sprint Corporation, StarHub, STC, Sunrise, Swisscom, T-Mobile USA, Taiwan Mobile, Tele2 AB, Telecom Italia, Telefónica, Telekom Austria, Telenor Group, Telia Company, Telkom SA, Telstra Corporation, TELUS Communications, TIM Brasil, True Corp., Turkcell, Verizon, Vodacom Group, Vodafone Group e Zain Group.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.