Oi reafirma posicionamento da Anatel e confiança no plano estratégico

Após um dia turbulento que acabou causando volatilidade na negociação das ações, a Oi emitiu um comunicado ao mercado na noite desta sexta-feira, 16, para apresentar esclarecimentos sobre a execução do plano estratégico, no qual diz ter confiança e apoio de todos os stakeholders. A empresa reafirma a nota da Anatel – que negou haver discussão iminente de intervenção na concessionária – ao dizer que "não existe nenhuma discussão diferente do acompanhamento já sendo realizado, e que não existe dissenso quanto ao foco na execução do plano estratégico".

A venda de ativos não estratégicos é citada como uma das ações, mas a empresa volta a falar que considera "potencial utilização de instrumentos de captação de dívida estruturada / garantida, aceleração das ações de reduções de custos de curto prazo e pela modulação e adequação dos investimentos em Capex, com foco nas áreas prioritárias". Esse já havia sido um posicionamento reiterado durante a teleconferência dos resultados do segundo trimestre nesta semana.

A operadora diz que, como parte do processo, a diretoria e o conselho de administração têm interagido com todas as esferas, incluindo a Anatel e o juízo da recuperação judicial, para "dar total transparência a suas ações e planos para assegurar o futuro da companhia". Além disso, afirma que tem tomado providências para garantir a execução do plano com o apoio de "todas as entidades necessárias".

Assim, a Oi afirma estar focada na execução do plano de venda de ativos e geração de liquidez de curto prazo para sustentar os investimentos, e que já atua em "múltiplas frentes" para implantar a ação. A operadora reafirma que a estratégia tinha ações de curto, médio e longo prazo, prevendo investimentos em fibra em busca da recuperação do posicionamento em áreas como residencial, B2B, atacado e na "geração de valor estratégico" do segmento móvel.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.