Algar estuda ter MVNO em 4G fora de sua área de atuação

A Algar Telecom, operadora regional com sede em Uberlândia/MG, estuda a possibilidade de ser uma operadora móvel virtual (MVNO, na sigla em inglês) em uma rede de quarta geração (4G) para atender ao mercado corporativo fora da sua área original de atuação. Em troca, a Algar poderia oferecer o compartilhamento de sua rede nas cidades onde opera. A revelação foi feita pelo CTO do grupo, Luis Antônio Lima, durante debate no seminário LTE Latin America 2013, realizado nesta terça-feira, 16, no Rio de Janeiro.

"Qualquer atraso na entrada em uma nova tecnologia gera um risco de perder share. E este é um jogo de escala. A Algar não teve condição de participar do leilão da frequência de 2,5 GHz e será difícil que participemos do leilão de 700 MHz. Então precisamos buscar soluções criativas para o uso do nosso espectro", disse Lima. Em sua área de atuação, a Algar pretende reaproveitar o espectro de 2G para lançar o 4G, prática conhecida pelo mercado como "refarming".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.