Agência comemora 100 milhões de telefones fixos e móveis

O presidente da Anatel, Pedro Jaime Ziller, apresentou nesta quarta-feira, 15, um balanço das atividades da agência neste ano. Ziller destacou o crescimento da planta de telefonia (fixos e móveis ultrapassaram os 100 milhões de acessos em novembro); o avanço da banda larga para a internet (deve crescer de 1,1 milhão em 2003 para 2,1 milhões ao final de 2004); e as principais iniciativas com vistas ao aumento da competição, defesa do consumidor e promoção da inclusão digital.
Entre essas iniciativas concluídas em 2004 estão a regulamentação das áreas locais, do 0300, a unificação dos códigos de acesso para os serviços de utilidade pública e o despacho para a desagregação de redes das três grandes concessionárias, iniciativa que começa a dar os seus primeiros frutos.
Estão em andamento para 2005 projetos como a implantação do modelo de custos para estabelecimento dos valores a serem cobrados no STFC, a criação do Serviço de Comunicações Digitais e do Acesso Individual Classe Especial (AICE), e o telefone fixo pré-pago.

Notícias relacionadas

Metas

O presidente da Anatel lembrou ainda os desafios futuros: a portabilidade numérica (já prevista no decreto 4.733/2003 sobre políticas de telecomunicação), cujos estudos avançaram no sentido de se garantir portabilidade plena para os códigos não-geográficos e portabilidade apenas local para os demais códigos. Ainda não está definida a prioridade para implantação em relação aos serviços móveis ou fixos.
Além disso, a agência tem como meta presente a terceira geração de telefonia móvel. Neste ponto, Ziller afirmou que os estudos ainda não oferecem nenhuma linha que possa ser divulgada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.