Speedy não está parado

Segundo o vice-presidente de redes da Telefônica fixa, Fábio Silvestre Micheli, a operadora está fazendo 500 instalações diárias de seu serviço de ADSL, o Speedy. No domingo, 17, a operadora deve atingir 31 mil instalações, sendo que de 70% a 75% destas são na capital. Micheli diz que os problemas de acesso do serviço vêm sendo normalizados. Na telefonia fixa convencional, estão ocorrendo 250 mil instalações/mês, número que deverá subir para 300 mil/mês a partir de janeiro. O prazo para instalação de linhas fixas continua demorado. Quem comprou uma linha em setembro só a terá disponível em junho do próximo ano. O mesmo prazo é informado para quem solicita uma linha agora. Micheli garante que a partir de junho o prazo de entrega será de 15 dias, a exemplo do que já vem ocorrendo em 244 localidades (centros de fios) de um total de 1.290 da Telefônica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.