Publicidade
Início Newsletter Operadora aposta em atendimento personalizado para comunidade LGBTQIA+

Operadora aposta em atendimento personalizado para comunidade LGBTQIA+

O Brasil conta agora com uma operadora móvel virtual (MVNO) focada em serviços para a comunidade LGBTQIA+: a Todes Telecom. A marca integra o Grupo Cuore, e a proposta é oferecer serviços de telecom digital remoto com um modelo de serviços e produtos especializados. Dentre as novidades propostas pela operadora estão a criação de um atendimento que permite a identificação pelo nome social da pessoa e a implementação de um assistente virtual sem gênero.

A nova operadora utilizará a infraestrutura de rede da TIM e todo o gerenciamento de dados e telefonia será realizado pela Surf Telecom. A tecnologia digital de acesso remoto é de 4G e a cobertura está disponível em todo o território brasileiro.

Segundo Lucianno Davi, CEO da Todes Telecom, até então, a proposta da operadora é inédita no País neste segmento. “A Todes Telecom foi criada não apenas para ser uma empresa de telefonia móvel convencional, mas para reforçar o conceito inclusivo e participativo das pessoas, com um modelo de serviço e atendimento que respeita e defende a maneira como cada indivíduo quer ser identificado na sociedade”, explica o executivo. “Por este motivo, os serviços da operadora são destinados tanto para pessoas que fazem parte da comunidade LGBTQIA+, como quem está alinhado às causas dos movimentos de inclusão sociais”, complementa.

Notícias relacionadas

Atendimento personalizado

Uma das medidas focadas para atender a comunidade LGBTQIA+ é a criação de um modelo de atendimento personalizado de acordo com o nome social com o qual cada pessoa se identifica e quer ser tratada durante as chamadas. Além disto, a operadora está testando o primeiro assistente virtual sem gênero, que deverá entrar em operação no segundo semestre de 2021.

Para atender às políticas de inclusão e diversidade, a operadora inicia suas atividades com cerca de 65% dos profissionais da comunidade LGBTQIA+, que atuam em funções operacionais e de gestão. A empresa também conta com a consultoria do executivo Eliezer Filho, que será responsável pelo desenvolvimento dos projetos de comunicação da marca e ações vinculadas às causas da comunidade LGBTQIA+ dentro da corporação.

“A Todes Telecom nasceu com o propósito de ser uma operadora para todas as pessoas, mas com um recorte muito forte e de ligação com a comunidade LGBTQIA+. Nós entendemos a necessidade de oferecer no mercado um serviço de tratamento e atendimento personalizado a esses clientes”, explica Eliezer Filho.

Além dos serviços de telefonia, a operadora já possui projetos de apoio social, por meio de parcerias com ONGs ligadas aos movimentos LGBTQIA+. A empresa destinará 5% do seu faturamento mensal para as entidades parceiras. Outra campanha de apoio é a opção criada para que os próprios clientes tenham a opção de utilizar “cashbacks” para realizar doações para essas organizações.

Modelo de negócios

O modelo comercial da Todes Telecom será pelos canais digitais da empresa e com cobertura de entrega dos chips em todo o território nacional. Não será exigida fidelização à marca nem consulta aos cadastros de proteção de crédito, ou seja, pessoas negativadas poderão contratar os serviços.

A operadora já conta com alguns programas de vantagens exclusivos aos clientes LGBTQIA+, como descontos na aquisição de produtos e serviços nas mais de 3 mil lojas credenciadas com a operadora.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile