Taiwan terá a primeira rede comercial com G.fast

A operadora Chunghwa Telecom será a primeira a instalar uma infraestrutura de rede comercial com a tecnologia G.fast, que utiliza a arquitetura de fibra até o ponto de distribuição (FTTdp) e segue a transmissão dos últimos metros por xDSL sobre as redes de cobre legadas, conseguindo chegar a uma velocidade teórica de 1 Gbps.

A expectativa é de que a rede esteja operando comercialmente até o fim deste ano, com oferta de velocidades de 100 Mbps a 1 Gbps. Os testes de G.fast na Chungwa Telecom conseguiram transferências com velocidades próximas de 1 Gbps. A ideia é combinar a tecnologia de G.fast ao footprint de fibra ótica até residências e empresas (fiber-to-the-premises – FTTP), em GPON. A meta da operadora é oferecer acesso em banda ultra-larga a "dezenas de milhares de residências em Taiwan nos próximos dois anos", e atender ao plano de banda larga daquele país para levar acessos em alta velocidade a áreas rurais.

Notícias relacionadas

A tele taiwanesa utilizará a tecnologia da Alcatel-Lucent (ALU), que tem apostado alto no desenvolvimento de equipamentos e em testes conjuntos com operadores de todo o mundo. Ainda no ano passado, a ALU anunciou que estava trabalhando na evolução do G.fast para conseguir velocidades na casa dos 10 Gbps sobre linhas de cobre.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.