Lucro da Algar Telecom cai 3,1% no segundo trimestre

O segundo trimestre deste ano mostrou aumento de receita, mas queda no lucro líquido da Algar Telecom. Segundo balanço financeiro divulgado nesta quinta, 14, o lucro líquido da empresa foi de R$ 32,4 milhões, um recuo de 3,1% em relação ao segundo trimestre de 2013, mas uma melhora de mais de 270% em relação ao primeiro trimestre de 2014. Por conta desse desempenho no começo do ano, o acumulado do semestre, no entanto, mostrou recuo de 17,9%, total de R$ 41 milhões. A companhia afirma que o menor lucro líquido é decorrente do aumento da depreciação em razão de investimentos, além de maiores despesas financeiras líquidas.

Já o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (EBITDA) do trimestre ficou em R$ 138,8 milhões, alta de 12,7%. No semestre, o EBTIDA foi de R$ 235,9 milhões, aumento de 8,4%. A área de telecom contou com EBTIDA de R$ 114,8 milhões, aumento de 7,7% no comparativo trimestral. No semestre o crescimento foi 8,3%, total de R$ 203,2 milhões. No consolidado, a margem EBTIDA ficou estável em 25% no trimestre e com decréscimo de 2 pontos percentuais (p.p.) no semestre, contabilizando 22%.

A receita líquida aumentou 15,8% no comparativo anual, totalizando R$ 501,3 milhões no trimestre. No acumulado do semestre, o crescimento foi de 16,1%, total de R$ 1,061 bilhão.

A receita de telecom cresceu 2,9% e somou R$ 480,2 milhões no trimestre; aumentando 6,9% e somando R$ 988,1 milhões no semestre. O negócio fixo diminuiu 0,7% no trimestre, total de R$ 407 milhões, mas manteve o semestre positivo (4,4%), com R$ 800,8 milhões. A receita com uso de rede caiu 21% no trimestre (total de R$ 15,8 milhões) e 17,9% no semestre (total de R$ 31,5 milhões). Por outro lado, a receita com TV por assinatura aumentou 22% (R$ 34,5 milhões) e 33,3% (R$ 68,8 milhões). A maior parte da receita fixa vem de dados, área que somou R$ 231,9 milhões (recuo de 0,7%) no trimestre e R$ 456,3 milhões (crescimento de 4,2%) no semestre.

A área de telefonia móvel mostrou aumento de 20,2% no trimestre, total de R$ 100,8 milhões. No semestre, a alta foi de 18,9%, total de R$ 187,3 milhões. Esse crescimento foi impulsionado pelo aumento de 34,3% na receita com serviços de voz, que somaram R$ 78,6 milhões no trimestre. O aumento foi de 29,8% no semestre, total de R$ 142,5 milhões. Os serviços de dados móveis cresceram 9,2% no trimestre (R$ 11,4 milhões) e 17% no semestre (R$ 23,5 milhões). A companhia registrou queda de 30% nas receitas de interconexão no trimestre (R$ 4,4 milhões) e 12,3% no semestre (R$ 10,4 milhões) devido aos cortes no custo de interconexão (VU-M). Houve queda também nos serviços de valor agregado (SVA): 22,4% no trimestre e 21,6% no semestre, totais de R$ 1,6 milhão e R$ 3,3 milhões respectivamente. As receitas com aparelhos e acessórios caíram 26,9% e 34,4%, totais de R$ 4,8 milhões e R$ 7,6 milhões.

A dívida líquida da empresa fechou junho com R$ 1,031 bilhão, 16,9% acima do que o registrado em dezembro de 2013. A empresa diz que isso é resultado da captação de R$ 200 milhões efetuada em abril deste ano.

Operacional

A companhia aumentou em 13,8% a quantidade de unidades geradoras de receitas (UGR), totalizando 2,917 milhões em junho. Os acessos de banda larga fixa (ADSL) totalizaram 377 mil, aumento de 6%. Em telefonia fixa, houve um crescimento de 10,3%, total de 1,257 milhão de acessos, sendo 442 mil por autorização e 814 mil por concessão. Os acessos de TV aumentaram 5,7% e totalizaram 134 mil.

No segmento móvel, a Algar Telecom contava em junho com 1,030 milhão de acessos, aumento de 25,3% em relação ao segundo trimestre do ano passado. Desses, 119 mil eram com a tecnologia 3G, número praticamente estável (0,2%) em relação ao ano anterior. Da base total, 786 mil acessos pré-pagos, aumento de 29,7%. A base pós-paga cresceu 12,9%, totalizando 244 mil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.