Celular continua sendo meio mais usado para acessar a Internet

Foto: Pixabay

Segundo a edição 2019 da pesquisa nacional por amostra de domicílios (PNAD contínua) do IBGE divulgada nesta quarta-feira, 14, o equipamento mais usado para acessar a Internet continuou sendo o celular, encontrado em 99,5% dos domicílios que acessavam a rede. O segundo foi o computador, com 45,1%; seguido pela televisão, 31,7% e pelo tablet 12,0%. Houve redução de 3% no uso do PC e de 1,4 % no uso do tablet, mas o uso da televisão cresceu 8,4%.

O uso da conexão por banda larga móvel passou de 80,2% em 2018 para 81,2% em 2019; já o da banda larga fixa cresceu de 75,9% para 77,9%. Apenas na região Nordeste o uso da banda larga móvel (63,8%) foi menor que o da fixa (80,4%). Entre 2018 e 2019, cresceu a proporção de domicílios com os dois tipos de banda larga (de 56,3% para 59,2%) e caiu de 23,3% para 21,4% o percentual dos que só usam conexão móvel, assim como o dos que usam só a banda larga fixa (de 19,0% para 18,1%).

Queda na TV Paga

Notícias relacionadas

O percentual de domicílios com TV por assinatura variou de 31,8% para 30,4%, com redução de 34,3% para 32,4% em área urbana, e alta de 14,9% para 15,9% em área rural. Cerca de 51,5% dos que não tinham esse serviço o consideravam caro e 41,6% não tinham interesse. A proporção dos domicílios que não tinham TV por assinatura e a substituíram pela programação disponível na internet cresceu de 3,5% para 4,9%, de 2018 para 2019.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.