Google e Facebook se unem para construir cabo submarino no Pacífico

Google e Facebook se juntaram para construir um cabo submarino ligando Hong Kong a Los Angeles, passando pelo Oceano Pacífico. O anúncio, feito na quarta, 14, foi feito em parceria com a TE SubCom e a Pacific Light Data Communication (PLDC), que ficarão responsáveis pela construção da infraestrutura de 12,8 mil km de capacidade de 120 Tbps. O sistema, batizado de Pacific Light Cable Network (PLCN), deverá ficar pronto para lançamento comercial em meados de 2018.

A ideia do Google é usar o PLCN para prover capacidade para plataformas com alta demanda de dados, como a de Cloud e de teleconferência em alta definição. "Mais importante, o PLCN trará menor latência, mais segurança e maior banda para usuários do Google na região da Ásia/Pacífico", diz o diretor de infraestrutura de rede da companhia, Brian Quigley, em comunicado. O Facebook não divulgou detalhes sobre os objetivos da empresa com o sistema.

Notícias relacionadas

Não é o único projeto de cabo submarino com participação do Google. A companhia conta com os sistemas Unity (entre Japão e EUA), SJC (Sudeste Asiático e Japão) e Faster (também entre Japão e EUA). Somente no Brasil, a companhia contará com pelo menos três novas infraestruturas em 2017. O primeiro deverá ser o Monet, cabo de 10 mil km em parceria com Algar Telecom, Antel (do Uruguai) e Angola Cables, e que ligará Boca Ratón (Flórida, EUA) a Fortaleza e Santos. Já o Tannet expandirá a rota do Monet, saindo de Santos até a cidade uruguaia de Maldonado. O Google ainda terá no Brasil o cabo Júnior, que ligará São Paulo ao Rio de Janeiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.