Telemig desiste de ação contra sobras do SMP

A Telemig Celular desistiu da ação que movia contra o leilão de sobras do Serviço Móvel Pessoal (SMP). O pedido de cancelamento veio depois do anúncio de venda da operadora para a Vivo. É conhecido o interesse da Vivo em participar desse leilão. O juiz substituto da 5ª Vara da Justiça Federal do Distrito Federal, Paulo Ricardo de Souza Cruz, declarou extinto o processo.
Em sua inicial, a Telemig argumentava que a Anatel não apresentou um estudo técnico específico para justificar a alteração do plano geral de autorizações (PGA). A agência pretende vender blocos de freqüências em 900 MHz, 1.800 MHz e 1.900 MHz, em um total de 71 lotes que correspondem às 67 áreas de numeração mais quatro licenças nacionais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.