Ofcom quer permitir 4G nas frequências de 3G

O Reino Unido pode ter seus primeiros serviços de 4G da telefonia móvel ainda este ano, mesmo antes de definir os termos do leilão de frequências específicas para tais serviços, estimado para acontecer apenas entre 2013 e 2014. Isso porque a Ofcom, o órgão regulador britânico, sinalizou nesta terça, 13, em comunicado oficial que está disposta a atender ao pedido da Everything Everywhere, joint-venture entre France Telecom (Orange) e Deutsche Telekom (T-Mobile), para reutilizar suas frequências de 1,8 GHz para ofertar serviços com a tecnologia LTE.

Notícias relacionadas
De acordo com a análise preliminar da Ofcom, a permissão para reutilização do espectro por parte da Everything Everywhere para tal oferta não apenas não distorceria o cenário competitivo, como ainda “traria provavelmente benefícios materiais aos consumidores, incluindo banda larga móvel com maiores velocidades e – dependendo de como a Everything Everywhere use o espectro – potencialmente aumentar a cobertura de banda larga móvel nas áreas rurais”.

A Ofcom está inclinada a permitir a reutilização de espectro, mas deu aos interessados quatro semanas para se manifestar sobre esta proposta.

A agência reguladora britânica informou estar considerando a liberação do uso para 4G das frequências de 900 MHz e 1,8 GHz e lembrou que em 2011 já havia liberado o uso de espectro de 2G para serviços 3G.

Em fevereiro, a operadora UK Broadband anunciou que lançaria uma rede 4G ainda em 2012, utilizando suas frequências na faixa de 3,5 GHz.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.