FCC exige que operadora crie startup para comercializar xDSL

Outro motivo apontado para a disparidade entre os acessos via cabo e xDSL nos EUA é que, se uma operadora como a Verizon ou a Qwest quiser oferecer serviços ADSL, ela é obrigadas, por exigência regulatória da Federal Communications Commision (FCC), a criar uma subsidiária apenas para comercializar o acesso. A indústria do cabo não tem essa exigência regulamentar. O consultor Tom Southwick cita como exemplo a cidade de Denver, no Colorado, onde há 29 provedores de xDSL, que concorrem com apenas um operador de cabo. Ainda conforme dados fornecidos por Southwick, no ano passado a taxa de churn foi de 15% para ADSL, 35% para acessos dial-up e apenas 8% para acessos via cabo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.