Publicidade
Início Newsletter Ufinet: Cade libera mudança no controle e entrada de sócio de Abu...

Ufinet: Cade libera mudança no controle e entrada de sócio de Abu Dhabi

A Superintendência-Geral (SG) do Cade deu sinal verde para mudanças na composição acionária da Ufinet Brasil. Até então controlador conjunto da empresa ao lado da Enel, o fundo de private equity Cinven deve se tornar acionista majoritário da operadora de infraestrutura de fibra óptica.

O negócio, notificado ao órgão antitruste no último dia 30 de dezembro, também envolve a entrada do fundo Platinum na Ufinet. A nova acionista é detida integralmente pela Abu Dhabi Investment Authority (ADIA), uma instituição pública de investimentos que pertence ao emirado de Abu Dhabi (nos Emirados Árabes Unidos).

Como resultado da operação, o Cinven passaria a deter 51,5% do capital da Ufinet e o Platinum, 29%. Já a participação da Enel será reduzida para 19,5%. O negócio não tem valores revelados e depende de aprovação da Anatel, que recebeu pedido de anuência prévia também nos últimos dias de 2021.

Notícias relacionadas

A mudança de controle é indireta e passa por um novo investimento anunciado pelos fundos da Cinven na Ufinet International, sediada na Espanha. Ao todo, a empresa de infraestrutura de fibra tem atuação em 17 países; no Brasil ela atua no mercado de atacado, tendo adquirido empresa como a NB Telecom e a Netell.

Venda

Segundo a análise publicada pela SG do Cade, a operação representa uma “oportunidade de investimento consistente com a estratégia do Cinven de ampliar o valor de negócios, com a visão de obter lucros a partir de seu potencial de venda futura”.

“Dessa forma, por meio de sua experiência e know-how, o Cinven pretende acelerar o desenvolvimento e crescimento da Ufinet Brasil como uma operadora de telecomunicações na região da América Latina”, aponta a análise do negócio.

Se o tribunal do Cade não avocar o ato de concentração para análise no prazo de 15 dias, a decisão da superintendência pela aprovação sem restrições terá caráter terminativo.

Polêmica

Vale lembrar que a Ufinet teve condutas recentemente criticadas pelo conselheiro da Anatel, Moisés Moreira. À frente de um projeto piloto de ordenamento de ordenamento de redes áreas na cidade de São Paulo, a empresa estaria condicionando o acesso aos postes por operadoras à contratação da fibra óptica dela. Controladora da Ufinet, a Enel é a distribuidora de energia no estado de São Paulo.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário Cancelar resposta

Sair da versão mobile